Quilombo Urbano Casa Akotirene, se inspire com essa história - TERRA DOCE LAR

por Equipe Terra Doce Lar febrero 03, 2022 4 minutos de leitura

Uma das maravilhas de cocriar a Terra Doce Lar são os encontros com pessoas incríveis e inspiradoras, e na última semana não foi diferente, pois o time de produção de conteúdo colaborativo da Terra Doce Lar teve a oportunidade de entrevistar Joice Marques, mulher negra, piauiense que, além de mãe do Vinícius, também é produtora cultural, mobilizadora social e integrante do corpo de gestão do espaço Casa Akotirene, um quilombo urbano localizado na Ceilândia, região periférica do Distrito Federal, e, ao longo do texto, você, assim como nós, sentirá a inspiração social aflorar, e vai ter a oportunidade de saber como colaborar! Vamos lá?

Casa Akotirene - Origem

Para além de um espaço físico lindo e muito aconchegante, a Casa visa a transformação da comunidade, bem como o acolhimento da mulher negra e a realização de sonhos, que ali são tecidos de forma coletiva. O ambiente colorido exala vida deixando claro o intuito de expressar a luta por meio da arte, e, por falar nisso, antes da pandemia, a casa realizava diversos eventos e oficinas focados no empreendedorismo e nos desejos dos ocupantes do quilombo, entre eles podemos destacar as aulas de dança, capoeira, inglês, ou cursos mais específicos como, por exemplo: manufatura de cosméticos naturais, fitoterápicos, reaproveitamento de alimentos e utilização das PANCS (Plantas Alimentícias Não Convencionais), etc.

PANCS Casa Akotirene Quilombo

 

Com o início da pandemia a ocupação do espaço físico ficou inviável, e a crise surgiu apesar de inúmeros esforços para evitá-la, entretanto, dia após dia, mães solo em vulnerabilidade continuam a buscar acolhimento e apoios físico, material e psicológico que as ajude, sobretudo, a garantir alimentação e cuidados básicos aos seus filhos.

Em um momento de grande dificuldade, para pagar despesas que inclui custos com o aluguel, um grande esforço foi direcionado para atender às demandas emergenciais citadas acima e, de certa forma, tentar diminuir o impacto violento e incerto que, no momento atual, encontram-se as famílias das periferias.

De acordo com Joice, no início da pandemia houve grande sensibilização e aumento nas doações, porém, a partir de 2021 a situação financeira, de forma geral, piorou, e o reflexo disso foi a diminuição dos donativos e o aumento das necessidades porque, em muitos casos, os doadores acabaram tornando-se tão vulneráveis quanto os que estavam sendo por eles ajudados. Uma das saídas encontradas pela galera da Casa Akotirene foi recorrer à ajuda de outros coletivos, que se apoiam de forma mútua, e assim, conseguem suprir algumas demandas mais urgentes.

Casa Akotirene

Preocupada com a situação que se apresentava diante de si, Joice criou o movimento "CASA AKOTIRENE CONTRA O CORONAVIRUS", que além de realizar uma campanha visando o acolhimento psicossocial, também realizou o cadastro familiar das comunidades atendidas, o que permitiu, entre outras coisas, evidenciar especificidades de cada família, e tornou possível um auxílio mais direcionado, principalmente no que diz respeito à doação de alimentos orgânicos, pois sempre existiu a preocupação em nutrir de forma adequada a todas as famílias atendidas, e agora, diante do cenário atual em que saúde e sistema imunológico forte têm estado tanto em evidência, tal preocupação tem aumentado.

Fazendo jus aos seus ensinamentos ancestrais, a equipe segue travando o bom combate diário e, aos poucos, colhe os frutos de tanto esforço e dedicação, um bom exemplo dessas conquistas é o Cine Cara Preta, um cine clubinho direcionado às crianças que, em sua maioria, nunca tiveram a oportunidade de conhecer uma sala de cinema. Se por um lado os filhos estão com a diversão garantida, por outro, as suas mães e demais mulheres das comunidades atendidas pelo projeto ganham o incentivo e a chance de se conectarem ao mundo digital, tudo graças ao acesso à nova sala de informática. É ou não é o máximo?

O Futuro da Casa Akotirene

O desejo de Joice é o de sempre fazer o possível para vivenciar dias melhores e realizar importantes parcerias voltadas e o foco em 2022 é o de possibilitar acesso às vagas de empregos, como forma de minimizar a desigualdade do acesso ao mercado de trabalho. Ela também tem o objetivo de firmar o projeto como um local de transformação para a comunidade e, para isso, um de seus objetivos futuros é o de conseguir recursos, por meio de doações e afins, para comprar o espaço, que ainda é alugado.

Às Futuras Gerações

Perguntada sobre qual mensagem gostaria de deixar para as suas bisnetas, bisnetos e futuras gerações, Joice respondeu:

"Responsabilidade com os que foram, com os que estão e com os que virão, que essa é a minha conexão. A minha mensagem é dizer que acredite na sua força, no seu axé, acredite que não estamos sozinhos, sabe? Que essa força que a gente respira todos os dias é tão forte que nós podemos fazer coisas tão incríveis. Não se deixe intimidar pela crueldade do mundo, olha pra dentro de você, dá aquele mergulho, encontra seus ancestrais, encontra sua força e segue adiante fazendo o bem, porque é nisso que a gente acredita: na transformação, e a transformação tem que vir a partir das forças positivas. Acreditar, viu gente, tem que acreditar."

EMOÇÃO, CONSCIENTIZAÇÃO E APOIO

E aí, emocionou-se? Quer conhecer essa galera do bem? Então acessam as suas redes sociais no Instagram e no Youtube e acompanhem os seus trabalhos.

A RIFA

A força e a coragem da Joice nos inspirou muito, e por isso decidimos fazer uma rifa para auxiliar na arrecadação de orgânicos para a comunidade atendida pela casa Akotirene. 

A Terra Doce Lar doou para sorteio 1 Mandala Lunar, 1 Jornada Solar e 1 Jardim e Horta Vertical para levantar recursos para doação de cestas de orgânicos para as mais de 130 famílias de Mulheres da periferia do DF atendidas.

O Sorteio foi no dia 11/03/2022, ao vivo, no Insta da @casa.akotirene e da @terradocelarbr e arrecadamos no total R$500,00 100% revestidos para doação de orgânicos.

Você pode, de um jeito fácil e rápido, ser a diferença nas vidas das famílias auxiliadas pelo projeto. Quer saber como?

Caso queira, é possível realizar doações por meio do seguinte pix: joycemksmarques@gmail.com

 

Texto de autoria colaborativa por: Karla Gama, Sandra Ribeiro, Andrômeda. 


Dejar un comentario


Ver artículo completo

Um crime invisível em Sobradinho DF
Um crime invisível em Sobradinho DF

por terra doce lar febrero 24, 2022 2 minutos de leitura 1 Comentario

Ver artículo completo
O Significado Espiritual das Joaninhas
O Significado Espiritual das Joaninhas

por terra doce lar septiembre 03, 2021 4 minutos de leitura 9 Comentarios

Ver artículo completo
O que acontece em um minuto na Internet?
O que acontece em um minuto na Internet?

por terra doce lar julio 29, 2021 3 minutos de leitura 2 Comentarios

Ver artículo completo

Acredite conosco

✔️ Produto adicionado com sucesso.